22 de outubro de 2018

Capítulo 44

OI, MÃE,
Desculpe por não escrever antes, mas estive tão ocupada desde que cheguei que nem consegui pegar uma caneta. Está muito quente aqui no momento. Por isso, estou tentando conseguir um bronzeado antes que John chegue. Quero encontrar com ele no aeroporto como uma perfeita garota de praia!
Meu pai veio me pegar no aeroporto, e isso foi uma experiência muito esquisita. Foi esquisito vê-lo vestido a caráter, ou, melhor dizendo, despido a caráter para o calor que faz aqui, de bermuda e chinelos. Eu nem sabia que ele tinha pernas. Você iria morrer de rir se o visse. Ele estava usando uma camisa havaiana azul-marinho com flores amarelas, mas insistia que a camisa era preta (ah, por falar nisso: agora eu acredito quando você diz que o terno que ele usou no baile de formatura não era preto. Acho que ele é completamente daltônico).
Ele tem um conversível azul-noturno muito maneiro (que ele acha que é preto), e eu nunca tinha andado num conversível antes. A ilha é muito bonita. Ele mora num condomínio muito legal que fica bem perto da parte mais movimentada da cidade, e acho que tem umas dez vilas particulares pintadas de branco que dividem a mesma piscina. Tem também um carinha superfofo que mora na casa em frente à do meu pai, e ele passa o dia inteiro nadando e se bronzeando. Ele é bem bronzeado, musculoso e também gostoso, então eu passo o dia inteiro na piscina babando por ele. Meu pai está surtando e vive mandando ele vestir a camisa. Ele finge que está tentando ser engraçado, mas dá pra ver que ele está furioso quando diz isso.
Toby e Monica chegam na semana que vem, e vai ser bem divertido, desde que Monica fique com aquela matraca fechada. Os dois vão ficar hospedados em um hotel na cidade e há um monte de boates legais por perto. Mas, antes que você fique desesperada, é melhor eu dizer que no dia que cheguei o meu pai me levou por toda a rua com os bares e as danceterias e me apresentou para todos os seguranças e os gerentes. Pensei que ele estivesse fazendo isso para que eles pudessem saber quem eu sou e me deixar entrar, mas, quando tentei ir para os bares na semana passada, nenhum deles me deixou passar pela porta. Nenhum. Achei que talvez eles odiassem o meu pai e estivessem tentando zoar com ele ou coisa assim, mas ontem um segurança da boate que fica mais abaixo na mesma avenida veio à nossa danceteria com o seu filho de 15 anos que veio passar o verão com ele e apresentou o garoto para o meu pai e todos os porteiros. Depois eu ouvi o meu pai dizer aos seguranças para se lembrarem da cara do garoto e não o deixarem entrar.
Assim, só tenho ido à danceteria do meu pai todas as noites. Ontem à noite eles me deixaram ficar na cabine do DJ para observar o trabalho dele. É uma doideira esse lugar. A boate do meu pai é um lugar muito legal. Fica lotada todas as noites e as pessoas mal conseguem andar pela pista de dança. Mesmo assim, ninguém se importa. Parece que, quanto mais lotado e cheio de gente um lugar for, mais popular ele será.
O DJ da casa é o DJ Sugar (Ele é LINDOOOOOOO!!!), e ele passou a noite me mostrando como fazer as coisas, e deixou até mesmo eu cuidar das pick-ups por alguns minutos. O objetivo era não deixar que as pessoas notassem, porque eu queria dar a impressão de que era tão boa e profissional quanto Sugar, mas quando olhei para cima vi todos olhando para mim porque o meu pai estava com uma câmera enorme na mão e estava tentando fazer com que as pessoas posassem para uma foto bem na frente da cabine do DJ. Nossa, que vergonha!
Também conheci a namorada do meu pai. Ela tem 28 anos, se chama Lisa e é uma das dançarinas da boate. Ela dança num pódio que fica a uns três metros do chão, bem no meio do salão, dentro de um anel de fogo em um pedaço de tecido estampado como se fosse pele de tigre que ela enrola ao redor do corpo (não vou chamar aquilo de vestido). Ela é de Bristol e se mudou para cá para ser dançarina quando tinha a minha idade. Disse que trabalhava em uma danceteria que fica um pouco mais adiante, na mesma rua (e eu imagino que seja um bar de strip-tease) e conheceu o meu pai e ele lhe ofereceu emprego (e eu não quero saber como nem onde eles se conheceram!).
Ela está falando em trazer uma cobra para participar de uma coreografia porque comprou uma roupa estampada de pele de cobra e acha que vai ficar legal. Eu disse a ela para dançar com o meu pai. (Acho que você possuiu o meu corpo por um minuto.) Bom, meu pai acha que ela está louca e disse que não vai arrumar uma cobra e os dois passaram a semana inteira batendo boca. Não tive coragem de dizer a ela que todos nessa danceteria ficam tão bêbados que nem perceberiam se ela estivesse dançando com algum animal, mesmo que fosse um elefante, imagine se ela estivesse com uma cobra, então. Ela disse que quer fazer isso de qualquer maneira para poder incluir no currículo. Meu pai perguntou se ela tinha planos de pedir emprego no circo. É engraçado escutar aqueles dois discutindo.
Acabei de perceber que você e eu nunca saímos de férias juntas. Na verdade, com exceção de visitar Steph e Alex, você já chegou a viajar de verdade? Você e eu podemos viajar no ano que vem quando eu enfim terminar a escola e puder aproveitar a minha liberdade. Você já vai ter o seu diploma e nós duas vamos poder comemorar! Espero que os seus estudos estejam indo bem. Pelo menos eu não estou aí para distrair você do seu trabalho. Se Rupert começar a tocar música muito alto, é só ir até lá e socar a porta que ele abaixa o volume. É isso que eu faço.
Volto a escrever logo mais. Estou com saudades!
Beijos,
Katie

QUERIDA ROSIE,
Estou lhe escrevendo da Cidade do Cabo, na África do Sul, e este lugar é maravilhoso. O resto do grupo está cuidando de mim, então você não precisa se preocupar com isso. E, como todos conheceram Dennis no cruzeiro, é ótimo poder falar com eles sobre o seu pai e lembrar as ocasiões em que nos divertimos juntos. Há outra senhora conosco que também perdeu o marido, e essa é a primeira vez que ela viaja sozinha. Assim, nós duas, às vezes, começamos a chorar juntas. Estou feliz por ela estar aqui, pois nós duas nos entendemos e uma sabe o que outra está passando.
Sinto muitas saudades de Dennis. Ele adoraria estar nesta viagem. Mas, de certa forma, ele está aqui comigo. Não me importo se Kevin acha que estou biruta; já espalhei as cinzas do seu pai. Um pouco no ar, um pouco na água e um pouco no chão. Agora ele está à minha volta. Sei que é assim que ele iria querer. Ele me disse para não deixá-lo apodrecer sete palmos abaixo da terra ou ficar enfiado em uma urna na estante da sala. Dessa forma ele está flutuando pelo ar, por todo o mundo. Está conhecendo mais lugares do que eu agora. A sua última aventura.
Alguns dias são muito difíceis, e tudo o que eu sinto vontade de fazer é lhe telefonar e chorar, mas estar aqui é uma bela distração. Mas não é só isso, é também um belo lugar para passar pelo processo do luto se você precisar. Kevin não me entende. Ele acha que eu devia estar usando roupas pretas e visitando o lugar da sepultura do seu pai todos os dias, como se fosse uma alma velha e miserável. Mas não farei isso. Para ser sincera, não sei de onde ele tirou essa ideia. Ainda faltam três semanas para o fim da viagem, e o pessoal já está falando sobre continuar a viajar depois! Eles têm muitos contatos no ramo de viagens e acho que vamos conseguir descontos incríveis. Acho até mesmo que vou continuar gastando as minhas economias, porque elas não vão servir no próximo lugar aonde eu for.
Espero que Katie esteja bem em Ibiza e que Brian esteja cuidando bem dela. Ele parece ter se transformado em um homem decente e trabalhador, então eu não me preocuparia se estivesse no seu lugar, querida Rosie. Você pode enviar a carta que anexei para Katie? Eu não tenho certeza do endereço dela.
Espero que você esteja muito feliz por ter um pouco de paz e sossego. Espero que Ruby esteja deixando você em paz em vez de arrastá-la para muitas noitadas pelos bares da cidade.
Boa sorte com seus estudos, meu bem.
Amo você e estou com saudades.
Mãe

De: Ruby
Para: Rosie
Assunto: Tchau!
Oi, Rosie. Estou lhe mandando este e-mail rapidinho para dar uma ótima notícia! Teddy e eu conseguimos uma viagem barata de última hora para passar alguns dias na Croácia. Só 199 euros por pessoa por quinze dias, incluindo a hospedagem e as passagens de avião. É barato demais! A razão para o preço baixo é que o avião parte esta noite! Por isso, estou jogando todas as minhas roupas na mala ao mesmo tempo que digito esta mensagem (pois é, eu sei que tenho muitos talentos). Você acha que é tarde demais para eu conseguir um corpo perfeito para a praia? Talvez eu não coma a comida que servirão no avião, e aí veremos se isso faz alguma diferença. Talvez aquela tanga acabe servindo em mim, quem sabe? Haha.
Só queria lhe dar adeus, minha amiga. Tenho certeza de que você vai adorar o fato de que eu estou longe daí, e você afinal terá um pouco de paz para estudar agora. Espero que você se divirta quando Alex e companhia vierem passar as férias por aqui, mas lembre-se de que ele é um homem casado. Por isso, não faça nada que eu não faria!
Cuide-se.
Ruby

ROSIE,
Saudações, diretamente do Havaí!
Como você pode ver, houve uma pequena mudança nos meus planos. Minha esposa maluca decidiu que o Havaí seria um lugar bem melhor para passar as férias do que a Irlanda. Não faço a menor ideia do motivo!
O tempo aqui está fantástico e o hotel é um sonho (Tomei a liberdade de roubar algumas coisas do meu quarto para você. Estão neste pacote, junto com a carta: uma touca de banho e um tubo com gel de banho diretamente do Havaí! Espero que a touca sirva.) Os restaurantes aqui também são ótimos.
Você deve estar achando ótimo o fato de não irmos até aí, pois assim vai conseguir um pouco de paz e sossego para estudar. Espero que Kevin deixe você em paz e pare de encher o saco por causa da sua mãe. Acho que ela tem razão.
Com carinho,
Alex, Josh, Theo (e posso até mesmo incluir Bethany na lista)

ROSIE,
Cheguei a Chipre.
Tempo bom. Hotel bom. Comida boa. Praia boa.
Espero que você esteja curtindo bastante o seu feriado de tranquilidade, silêncio e estudos. (Isso se Steph e o resto da tropa não invadirem a sua casa. Por falar nisso, precisamos conversar sobre o fato de nossa mãe ter espalhado as cinzas do pai.)
Kevin

OLÁ! ESTAMOS NA EURO DISNEY!
Oi, mana. Estamos nos divertindo demais por aqui. Sinto-me como seu eu tivesse 10 anos de idade! Conheci o Mickey ontem e tiramos uma foto com ele, todos juntos (como você pode ver, pareço até um pouco deslumbrada. Pierre ficou preocupado comigo). As crianças estão no paraíso. Há tantas coisas para elas fazerem ou olharem que eu acho que vão acabar ficando tontas! Há tanta coisa para fazer aqui que decidimos ficar mais alguns dias. Por isso, infelizmente não poderemos ir a Dublin no fim de semana.
Espero que os seus estudos estejam indo bem e que você esteja curtindo essa época de paz e tranquilidade. Não deixe que aquele seu vizinho Rupert a arraste outra vez para o National Concert Hall. Diga a ele que você precisa estudar.
Com amor,
Steph, Pierre, Jean-Louis e Sophia

OI, ROSIE,
Passei aí hoje cedo mas você não estava, então resolvi lhe deixar um bilhete. Vou passar algumas semanas viajando com o coral do qual faço parte. Vamos cantar para as pessoas do Cazaquistão. Faremos uma turnê pelo país e eu estou muito ansioso pelo que vai acontecer nos próximos dias.
O estúdio vai ficar fechado enquanto eu estiver fora, então acho que você vai ficar contente por saber que não vai haver nenhum barulho do andar de baixo nem do apartamento enquanto eu estiver viajando. Acho que você vai conseguir tranquilidade para estudar agora que estamos todos fora. Deixei minha chave com você, caso haja alguma emergência.
Boa sorte com os seus estudos, aproveite a paz e a tranquilidade e falo com você quando voltar. Talvez quando eu voltar você já tenha convidado o rapaz do cybercafé para um encontro. Acho que ele gosta de você. Ele sempre pergunta de você.
Rupert

ROSIE DUNNE,
Você tem uma conta em débito no valor de €6,20 desde a última vez em que esteve aqui para usar a internet. Favor pagar imediatamente, ou seremos obrigados a tomar as providências legais cabíveis.
Ross (do cybercafé do térreo)

Bem-vinda ao bate-papo dos Divorciados Aliviados de Dublin. Há zero pessoa na sala de bate-papo agora.
Docinho entrou na sala.
Docinho: Onde diabos está todo mundo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você não tem conta no Google e quiser comentar, utilize a opção Nome/URL e preencha seu nome/apelido/nick; o URL pode deixar em branco.

Boa leitura, E SEM SPOILER!