29 de maio de 2018

Capítulo 31

LUCAS E EU ESTAMOS SENTADOS de pernas cruzadas no corredor, dividindo um bolo de morango com sorvete.
— Pegue do seu lado — ele me lembra quando eu abaixo a cabeça para outra mordida.
— Eu fui quem comprou! — lembro ele. — Lucas... você acha que é traição escrever cartas para alguém? Não eu, estou perguntando para uma amiga.
— Não — diz Lucas. Ele levanta as sobrancelhas. — Espere, são cartas sensuais?
— Não!
— São o tipo de carta que você me escreveu?
Um pequeno “não” da minha parte. Ele me lança um olhar como se não estivesse comprando qualquer coisa que eu esteja tentando vender.
— Então tudo bem. Tecnicamente, você está limpa. Então, para quem você está escrevendo?
Hesito.
— Você se lembra do John Ambrose McClaren?
Ele revira os olhos.
— Claro que me lembro do John Ambrose McClaren. Eu tinha uma queda por ele na sétima série.
— Eu tinha uma queda por ele na oitava!
— Claro que você tinha. Nós todos tivemos. Naquela época ou você gostava do John, ou gostava do Peter. Essas foram as duas opções principais. Como Betty e Veronica. Obviamente John era da Betty e Peter era da Veronica. — Ele faz uma pausa. — Lembra-se como John costumava ter aquele gaguejar realmente cativante?
— Sim! Lamentei um pouco quando ele foi embora. Era tão doce. Tão menino. E você se lembra como o cabelo dele era da cor de manteiga pálida? Assim, aposto que se parece com manteiga recém-batida.
— Eu pensava que era mais como a palha de milho ao luar, mas sim. Então, como é que ele está?
— Eu não sei... É estranho porque existe o garoto que me lembro do ensino fundamental, é apenas minha memória dele, mas depois existe o garoto hoje.
— Vocês nunca saíram naquela época?
— Ah, não! Nunca.
— Então é provavelmente por isso que você está curiosa sobre ele agora.
— Eu não disse que estava curiosa.
Lucas me dá um olhar.
— Você basicamente disse. Eu não te culpo. Eu estaria curioso também.
— É divertido pensar.
— Você tem sorte — diz ele.
— Sorte como?
— Sorte porque você tem... opções. Quero dizer, eu não estou oficialmente “fora”, mas mesmo que estivesse, existem, tipo, dois caras gays na nossa escola. Mark Weinberger, que é um cara de pizza, e Leon Butler — Lucas estremece.
— O que há de errado com Leon?
— Não me apoie perguntando. Eu só queria que a nossa escola fosse maior. Não há ninguém para mim aqui.
Ele olha para o espaço melancolicamente. Às vezes eu olho para Lucas e por um segundo me esqueço que ele é gay e eu quero gostar dele mais uma vez. Eu toco sua mão.
— Um dia, em breve, você estará no mundo, e terá tantas opções que não vai saber o que fazer com elas. Todo mundo vai se apaixonar por você, porque você é tão bonito e tão charmoso, e vai olhar para trás, para a escola, e ver um minúsculo pontinho.
Lucas sorri, e sua melancolia some.
— Eu não vou te esquecer, no entanto.

24 comentários:

  1. Quem não ama a amizade desses dois!!

    ResponderExcluir
  2. Aaaa❤❤❤ referências de Riverdale😍❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pensei o mesmo!

      Excluir
    2. Perai, O negócio de Betty e Verônica realmente tem a ver com Riverdale?

      Excluir
  3. uma amizade dessas bishawn

    ResponderExcluir
  4. eu to morreindo com essa referência de riverdale

    ResponderExcluir
  5. minha série favorita no momento no meu livro favorito do momento

    ResponderExcluir
  6. Eu não ia comentar, no entanto as regerências a Betty d Verônica me deixaram extasiada😍
    Fico indignada com a quantidade de garotos fofos que a Lara conheceu, ela pode ser confusa,mas tem bom gosto, parece que ela pegou todos os garotos fofos, sensíveis e gentis e deixou o resto do mundo com os mal educado, no sétimo ano os garotos da minha sala eram trogloditas 😂😂😂

    ResponderExcluir
  7. Aaah referência de Riverdale ❤❤

    ResponderExcluir
  8. Que livro maravilhoso, cada vez que passa tenho mais curiosidade de como isso tudo vai terminar, espero não me decepcionar, estou amandoooooooo

    ResponderExcluir
  9. eu sou o unico hetero q lê livro romanticos ou eles leem e n se manifestam kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem um monte de anônimos por aqui, às vezes não da pra saber se é homem ou mulher. E, se tem nome de homem, como vamos saber se é hétero?

      Excluir
  10. Quando tem referência de sua série favorita no seu livro favorito😍😍😍

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mas o livro não oi lançado antes de Riverdale?

      Excluir
    2. Foi, mas é referencia a hq "archie comics"

      Excluir
  11. gente, mas Riverdale não foi lançado em 2017 e o livro em 2015?Como as referências surgiram?(ou existe um livro que baseou e eu estou totalmente por fora)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a série é baseada em quadrinhos beeeem antigos

      Excluir
    2. A série foi baseada em um livro ou algo assim.

      Excluir
  12. Eu nem morri e reencarnei com a referência de riverdale, meu Deus, que série, como eu amo ❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤

    ResponderExcluir
  13. "Essas foram as duas opções principais. Como Betty e Veronica. Obviamente John era da Betty e Peter era da Veronica." QUE REFERÊNCIA. AMO CADA VEZ MAIS ESSE LIVRO ❤❤❤❤❤

    ResponderExcluir
  14. Riverdale? 😍
    Amando mais ainda esse livro! ❤❤

    ResponderExcluir

Se você não tem conta no Google e quiser comentar, utilize a opção Nome/URL e preencha seu nome/apelido/nick; o URL pode deixar em branco.

Boa leitura, E SEM SPOILER!