20 de fevereiro de 2018

Capítulo 70

KADEN

Não o ouvi chegando até que ele estava perto de mim. Fiquei alarmado e me virei.
— O que você quer? — perguntei.
— Estou aqui para conversar sobre...
Desferi um golpe, acertando o maxilar dele, e Rafe foi voando para trás e caiu, e a espada afivelada na lateral do seu corpo batendo ruidosamente no chão de pedra.
Devagar, ele se pôs de pé, com a expressão lívida, e limpou o canto da boca, o sangue manchando as pontas dos dedos.
— Qual é o seu problema?
— Apenas me prevenindo de um ataque da sua parte. Parece que me lembro de que, da última vez em que veio de fininho para cima de mim querendo conversar, levei um soco e depois fui jogado com tudo contra a parede dos alojamentos, além de ter sido acusado de todos os tipos de coisas loucas.
— Isso é você se prevenindo de um ataque ou é vingança?
Dei de ombros.
— Talvez seja as duas coisas. Por que está se esgueirando pelos arredores dessa vez?
Ele me estudou, com o peito subindo e descendo, a fúria cintilando nos olhos. Eu sabia que ele queria me acertar com um golpe, mas, de alguma forma, ele conseguiu continuar com as mãos nas laterais do corpo.
— Em primeiro lugar, não estava me esgueirando — disse ele por fim — e, em segundo lugar, o motivo pelo qual vim foi para agradecer você por ficar do lado de Lia.
Agradecer a mim?
— Para que você possa levá-la de volta a Dalbreck agora mesmo?
A raiva foi toda drenada da face dele.
— Lia nunca vai voltar para Dalbreck comigo.
Eu suspeitava da repentina virada do comportamento dele quase tanto quanto da sua declaração.
— Estou noivo de outra mulher — explicou ele.
Soltei o ar, desacreditando.
— É verdade — disse ele. — A notícia foi oficialmente anunciada por todo o reino de Dalbreck. Lia nunca vai comigo para lá.
Essa era a última notícia que eu esperava ouvir. Estaria ele seguindo em frente?
— Então, por que está aqui?
Os lábios dele se curvaram repentinamente de um jeito estranho. Ele não parecia o fazendeiro ou o emissário arrogante, nem mesmo o príncipe que eu conhecera.
— Estou aqui pelos mesmos motivos que você. Pelos mesmos motivos que Lia. Porque queremos salvar os reinos que são importantes para nós.
— Todos eles são importantes para Lia.
A expressão dele ficou mais sombria.
— Eu sei.
— E isso lhe causa dor.
— Nós três tivemos que fazer escolhas difíceis... e sacrifícios. Reconheço o sacrifício que você fez ao nos ajudar a fugir de Venda. Sinto muito por não ter dito isso antes.
As palavras saíram duras e ensaiadas, mas, ainda assim, eram um pedido de desculpas que eu nunca esperara ouvir. Assenti, perguntando-me se ele ainda tentaria fazer alguma coisa comigo. Não houve tempo quando nós nos encontramos na cabana. Encontrar Lia, Pauline e Gwyneth era tudo que importava naquele momento.
Estiquei a mão com cautela, oferecendo-a a ele.
— Parabéns pelo seu noivado.
Ele segurou a minha mão com a mesma cautela.
— Obrigado — respondeu.
Nossas mãos voltaram às laterais dos nossos corpos nos mesmos movimentos calculados. Ele continuava a olhar para mim como se tivesse algo mais a dizer. Eu o ouvira quando ele entrara na noite passada e o vira quando ele saía em silêncio do quarto. Para alguém que estava noivo de outra, ele não escondia bem os sentimentos.
— Vejo você na praça — disse ele por fim. — O que Lia vai enfrentar lá hoje será mais difícil do que os traidores que ela confrontou na noite passada. Ela não estará encarando aqueles que ela precisa jogar na cadeia, mas sim aqueles que ela precisa animar. Ela vai precisar de nós dois lá.
Ele se pôs a ir embora, e então olhou para baixo da escadaria escura, de relance, e depois de volta para mim.
— Não faça isso — disse ele, cujo olhar contemplativo se encontrava com o meu. — Chegará a hora, mas não agora. Não desse jeito. Você é melhor que ele.
E, então, Rafe foi embora.

* * *

Deixei minhas armas com o guarda antes de entrar na cela. Os olhos do meu pai se travaram nos meus e imediatamente tudo que vi neles foi o cálculo mais uma vez. Isso nunca acabava.
— Filho — disse ele.
Sorri.
— Você realmente acha que isso vai funcionar?
— Cometi um erro terrível, mas um homem pode mudar. Dos meus filhos, eu amava mais você, porque amava sua mãe. Cataryn...
— Pare com isso! — ordenei a ele. — Não se joga fora as pessoas que a gente ama como se fossem lixo. Não se enterra as pessoas que a gente ama em túmulos sem marcação! Eu não quero ouvir o nome dela dos seus lábios. Você nunca amou nada na sua vida.
— E o que você ama, Kaden? Lia? O quão longe isso vai levar você?
— Você não sabe de nada.
— Eu sei que o sangue é mais espesso e mais duradouro do que um caso passageiro...
— Isso era tudo que tinha com a minha mãe? Aquela que clama ter amado tanto? Um caso passageiro?
Ele juntou as sobrancelhas, triste, empático.
— Kaden, você é meu filho. Juntos, nós podemos...
— Eu farei um trato com você, pai. — Os olhos dele ficaram brilhantes. — Você vendeu a minha vida por um único cobre. Permitirei que compre a sua de volta pelo mesmo valor. Dê-me um cobre. É bem pouco a se pedir.
Ele olhou para mim, sem entender.
— Dar um cobre a você? Agora? — Estendi a palma da mão, esperando. — Eu não tenho um cobre!
Retirei a mão dali e dei de ombros.
— Então perderá a sua vida, assim como eu perdi a minha.
Eu me virei para ir embora, mas parei para dizer a ele uma última coisa.
— Já que você tramava junto com o Komizar, morrerá pela justiça dele também, e, só para que saiba, ele gosta que aqueles que vão encarar a execução sofram primeiro. Isso acontecerá com você.
Saí dali e o ouvi me chamando, fazendo um uso liberal da palavra filho nos apelos, e eu sabia que, se não tivesse deixado minhas adagas para trás, ele já estaria morto, e que aquele teria sido um fim fácil demais para ele.

3 comentários:

  1. Tomara que a visão do Kaden se realize, ele e a Lia governando Venda seria o fim epico!

    ResponderExcluir
  2. Tô querendo q essas crônicas virem uma serséq nenhum game of trones

    Mirtiz

    ResponderExcluir

Se você não tem conta no Google e quiser comentar, utilize a opção Nome/URL e preencha seu nome/apelido/nick; o URL pode deixar em branco.

Boa leitura, E SEM SPOILER!