20 de fevereiro de 2018

Capítulo 11

RAFE

A pergunta de Lia permaneceu comigo. Porque, em nome dos deuses, você manteria o vestido com você?
Eu havia me atrapalhado nas respostas porque nem mesmo eu sabia o motivo por trás disso. Quando achei o vestido, eu havia xingado repetidas vezes enquanto o desemaranhava dos galhos espinhosos. Eu sou o príncipe de Dalbreck, pelo amor dos deuses. Porque estou limpando as coisas de uma fugitiva mimada? Quando consegui soltar o vestido e o ergui, fiquei com ainda mais raiva. Eu não era dado admirar tecidos nem moda, não era como Jeb, mas até mesmo eu era capaz de ver a beleza inigualável do vestido. O completo desrespeito dela pelo trabalho cuidadoso que tinha sido desprendido para fazer aquele vestido apenas jogava a lenha na fogueira da minha fúria. No entanto, aquilo ainda não explicava por que eu me dei o trabalho de guardar o vestido na bolsa.
Agora eu sabia. Não era para queimá-lo nem esfregar na cara dela. Era uma coisa que eu não admitiria nem para mim mesmo naquele momento. Tratava-se da ordem de prisão para ela que eu tinha ouvido falar. Seu próprio pai a estava caçando como se a princesa fosse um animal. Eu havia guardado vestido na bolsa porque eu sabia que, em algum momento, outro alguém viria. Eu não queria que encontrassem o vestido... ou ela.
Por fim cheguei a uma crista montanhosa onde conseguia ter uma visão aberta da trilha atrás de nós. Fiquei esperando, analisando a paisagem. Quantas desculpas mais eu poderia dar por Lia? Dessa vez, falei que estava fazendo reconhecimento em busca da cadeia montanhosa que dava para o vale ao qual chegaríamos hoje. Eu não queria que ela se preocupasse desnecessariamente, mas agora havia motivo para preocupação. Avistei aquilo de que suspeitava o tempo todo e segui cavalgando de volta para contar aos outros.
— Vá — sussurrei para Tavish. — A menos de um quilômetro para trás. Faça um círculo em volta, em direção ao sul. Há uma boa cobertura por lá e você estará a favor do vento caso os cavalos façam barulho. Não consegui ver quantos eram em meio às árvores. Ficarei aqui com ela.
Tavish assentiu, e eles se afastaram cavalgando.
Afrouxei a tira na minha bainha e segurei com força na empunhadura no exato momento em que Lia voltava mancando de uma rápida ida até atrás de alguns arbustos. Ela os viu se afastando, cavalgando, e uma irritação franzia seu rosto.
— Ora, onde é que eles estão indo?
Dei de ombros.
— Avistei um bando de gansos, e todos estão ansiosos por um ganso suculento para o jantar hoje.
— Não estou entendendo. Achei que tivéssemos com pressa para chegarmos ao pé do vale.
— Nós estamos viajando rápido e realmente precisamos comer nesta noite.
Ela estreitou os olhos.
— Todos eles precisavam ir?
Eu me virei usando a desculpa de procurar alguma coisa no meu alforje.
— Por que não? — falei. — Orrin não é o único que gosta de caçar.
Senti o silêncio às minhas costas e a visualizei com as mãos nos quadris. Eu não achava que ela cairia nessa mais uma vez.
Quando eu me virei, a cabeça dela estava inclinada em um ângulo acusador.
— Avistei alguma coisa em meio às árvores quando saí — expliquei. — Estava bem longe. Estou certo que se tratava somente de um rebanho de cervos, mas eles vão verificar isso só para termos certeza. 

2 comentários:

  1. Ehhhhh prolimeirão de novo!! Tpu gostando disso!! Parece que nosso amigo Rafe ainda não se deu conta de que não pode enganar uma enganadora!!! E agora fiquei na dúvida; se o Kaden duvida de que o Griz o poderia ajudar, me fazendo pensar que são apenas os 2 atrás dela, então que grupo é esse avistado agora? E se o Kaden está com um grupo grande por quê a dúvida sobre a ajuda do Griz?

    ResponderExcluir
  2. Foi por tirar o vestido dela que ele machucou as mãos ahuahuahuahuahuahua

    Aaaah Rafe... Não adianta querer engana-la rsrsrsrs Vcs dois se conhecem mt bem XD

    E pro povo chato que fica reclamando dele, tudo que ele faz (de não querer ela de volta em Morrighan) é porque ele acredita fielmente que o pai dela a quer morta. Se ainda não entenderam 😒😒😒

    ResponderExcluir

Se você não tem conta no Google e quiser comentar, utilize a opção Nome/URL e preencha seu nome/apelido/nick; o URL pode deixar em branco.

Boa leitura, E SEM SPOILER!