8 de fevereiro de 2017

Capítulo 7

De repente, todo mundo estava falando ao mesmo tempo.
— Madelyn? Você quer dizer a minha Madelyn? — Cassandra exclamou, chegando a se erguer um pouco.
— Você deve estar brincando, Halt! — disse Horace.
— Mas ela é uma menina! — Aquele era Gilan.
Halt esperou até que todos ficassem em silencio. Então ele lhes respondeu calmamente.
— Sim, Cassandra. Eu quero dizer a sua Madelyn. E não, eu não estou brincando, Horace. E sim, Gilan, estou ciente de que Madelyn é uma menina.
Ele notou que, sozinha entre aqueles na sala, sua esposa não tinha dito nada. Ele olhou de lado para ela e não se surpreendeu ao ver que ela estava balançando a cabeça, pensativa. Ele lhe deu um breve sorriso. Os outros ainda estavam totalmente perplexos com sua sugestão. Cassandra tinha caído para trás em sua cadeira quando percebeu que ele estava falando sério. Ele falou com ela agora.
— Evanlyn — ele disse. Como Will, Halt normalmente usava esse nome para ela em privado. Era um sinal de afeto entre eles. — Vamos pensar em algo. Se você tivesse um filho, em vez de uma filha, o que ele estaria fazendo agora?
— Eu não tenho um filho... — começou ela, mas ele ergueu suas mãos para protestar.
— Apenas adapte-se. Vamos dizer que, hipoteticamente, você tem um filho. Como você estaria preparando-o para o seu futuro como governante de Araluen?
Cassandra mordeu o lábio. Ela podia ver o que estava acontecendo e ela recusou a dar qualquer apoio à sugestão dele.
Horace respondeu por ela.
— Ele estaria no exército — Horace respondeu num tom monótono.
Cassandra, abatida, virou-se para encará-lo.
— Horace! — ela exclamou em tom de acusação, mas Horace, alto, prático e honesto, deu de ombros. Ele não teve como evitar a resposta.
Halt assentiu gentilmente, os olhos ainda fixos em Cassandra quando ela se virou de costas para ele. Ela corou. Ele podia ver que ela lamentou a súbita onda de raiva que ela tinha dirigido para o marido.
— É isso mesmo. Provavelmente em um regimento de cavalaria. Você o teria treinado com a espada e a lança durante os últimos anos, gostaria de pensar, certo, Horace?
Horace assentiu, um pouco lamentavelmente. Durante o tempo da gravidez de Cassandra, ele nutriu visões de treinar o filho para montar e manejar uma espada e uma lança como o pai. Quando Cassandra entregou a filha, ele sentiu um momento chocante de surpresa. Ele simplesmente nunca considerou essa possibilidade. Deve ser dito que isto foi superado rapidamente por um profundo, duradouro prazer com a perspectiva de criar uma filha. Mas ele se lembrou daqueles longínquos sonhos agora.
Halt continuou.
— Provavelmente seria um jovem oficial, comandando um esquadrão, aprendendo a conduzir os homens em combate, como tomar decisões de vida ou morte. E acho que você não iria insistir para que ele fosse mantido longe do combate. Você reconheceria que ele teria que ser visto como um líder que compartilhou perigo com os homens que ele comandou. Talvez ele fosse designado a um mandato de serviço de piquetes no norte, protegendo contra invasores de Scotti. Ou estaria patrulhando a costa sudoeste, combatendo contrabandistas e Moondarkers.
Ele fez uma pausa, olhando para os dois. Horace parecia resignado, como se concordasse que era isso o que se esperava que um filho seu fizesse. Os lábios de Cassandra estavam pressionados em uma linha fina e teimosa.
— O que ele não estaria fazendo seria estar sentado em um grande e confortável castelo, cercado por centenas de homens com armas e nunca saber o que era enfrentar o perigo, ficar cara a cara com um inimigo e sair por cima.
Gilan abriu a boca para dizer algo, mas Halt levantou a mão para detê-lo. Ele sabia qual era a objeção de Gilan, mas ele iria lidar com isso em um minuto ou dois.
— Então porque com sua filha seria diferente? — Perguntou ele.
Os olhos de Cassandra piscaram ao encontrar os dele.
— Porque ela é minha filha! — ela retrucou. — Você espera que ela vá para o exército e lidere um pelotão de cavalaria?
— Não — Halt respondeu em um tom razoável. — Mas acho que se juntar aos arqueiros seria uma alternativa lógica. Ela teria que aprender a comandar, tomar decisões, julgar uma situação e chegar com a resposta certa no tempo certo. Quanto ao lado mais físico da batalha, bem, nós, os arqueiros, sempre tendemos a dar um passo atrás e deixar essa parte de bater para pessoas avantajadas como Horace. Sem ofensa — ele acrescentou com um pequeno sorriso.
Horace deu de ombros.
— Eu me lembro de você ter o seu lugar na linha de batalha mais de uma vez, Halt.
Halt assentiu.
— Eu tinha. Mas não é absolutamente necessário para o arqueiro fazê-lo. Isso geralmente era apenas vaidade da minha parte.
— Mas mesmo assim você admite que haveria perigo? — Cassandra disse.
Halt se virou para ela.
— Claro. Vivemos em um mundo perigoso. Quando você estiver morta e enterrada e Maddelyn herdar o trono, haverá pessoas que não a quererão lá. Eles têm suas próprias agendas e seus próprios candidatos a governantes. Se pensarem que estão lidando com uma garota indefesa, tentarão tirar proveito do fato. Eles podem ser um pouco mais relutantes se souberem que ela foi uma Arqueira treinada – e tem o apoio de todo o Corpo. Nós tendemos a cuidar um do outro, você sabe.
Cassandra considerou suas palavras. Araluen estava em paz, mas ela estava ciente de que ainda havia elementos no reino que estariam prontos a se rebelar com a menor sensação de fraqueza de seu governante. E qualquer mudança de governante sempre poderia precipitar uma luta de poder entre as pessoas ambiciosas. A própria reputação de Cassandra e a habilidade de Horace como um guerreiro foram suficientes para manter tais elementos na baia. O povo de Araluen estava ciente de que sua futura rainha não era de ser intimidada ou subornada de qualquer forma. Qualquer rebelião contra ela seria extinta rapidamente.
Mas Maddie? O que ela traria para o trono? Qual seria a sua reputação? Ela viu agora que a descrição de Halt dela como uma menina indefesa era muito precisa. Claro, ela teria assessores e apoiadores. Mas Cassandra sabia que a verdadeira força do trono vinha a partir do governante. De sua capacidade, sua confiança, sua habilidade e experiência em lidar com situações difíceis e assustadoras. Mas ainda assim...
— Mas e o perigo, Halt? Como posso colocar minha filha em perigo? E se ela se ferir? — Ela disse, sua voz miserável.
— E se ela estiver correndo para uma aula de costura, tropeçar na barra da longa saia feminina, cair da escada e quebrar o pescoço? — Halt perguntou. —Você não pode superprotegê-la.
Ele fez uma pausa, lembrando-se de sua conversa com Duncan.
— Seu pai disse que as coisas serão difíceis para você quando herdar o trono. Elas vão ser ainda mais difíceis para Maddie. Ela pode não encontrar alguém como Horace para apoiá-la.
Halt inclinou-se e tomou as mãos de Cassandra.
— Você estaria colocando-a aos cuidados do maior e mais capaz arqueiro que Araluen já conheceu — disse ele em voz baixa.
Ele sentiu a surpresa entre os outros e olhou para eles.
— Oh, Will é melhor do que eu fui — disse ele, sorrindo.
Um dia, a sua vaidade pode não ter lhe permitido dizer isso, mas agora as palavras saíram facilmente.
— Talvez melhor não. Mas, certamente, tão bom quanto — admitiu relutantemente Gilan.
— E ele é mais jovem — Pauline sorriu.
— Obrigado por esse lembrete — Halt disse a ela. Então ele se virou para Horace e Cassandra. — Pensem nisso. Maddie poderia estar em mãos mais seguras? Will a ama. Ele é o padrinho dela. Ele olha para ela como sua sobrinha, senão como sua filha de aluguel. Vocês estariam confiando-a aos seus cuidados e sabem que ele morreria antes de deixar qualquer coisa machucá-la.
— E Will não vai morrer facilmente — Horace observou.
Ele estava começando a ver a lógica na ideia de Halt. Quando pensava sobre isso, sabia que Maddie estaria em boas mãos com Will olhando por ela.
Halt sentiu a mudança de atitude de Horace. Ele pressionou a vantagem.
— Além disso, você mesmo disse que ela é rebelde e difícil. Talvez ela precise da disciplina que a vida como aprendiz traria. Eu não estou dizendo que ela deve fazer o aprendizado completo de cinco anos. Um ano deveria ser o suficiente – apenas para que ela ganhe a sua folha de carvalho de bronze. A experiência vai lhe fazer muito bem.
Cassandra tinha preparado o fôlego para responder, mas agora ela parou, e um olhar pensativo veio sobre o seu rosto.
— Isso é verdade — ela falou suavemente.
Ela tinha uma imagem mental de Maddie conversando com Will, e descobriu como esse tipo de comportamento poderia repercutir em cima dela. Will não aceitaria nenhum disparate de um aprendiz, mesmo que ele amasse.
— Cassandra — disse Pauline, e a Princesa olhou para a loira graciosa, por um momento, vendo sua velha amiga Alyss. — Lembro-me de uma conversa que tive com seu pai quando você queria ir para Arrida para resgatar Erak. Eu falei a ele, e eu vou falar-lhe agora, que uma rainha tem que fazer essas coisas – tem que arriscar. Tem que sair para o mundo. Você não pode governar corretamente a partir de uma torre de marfim. Esta é uma boa ideia.
Cassandra se viu assentindo. Ela tomou uma decisão, olhou para Horace e viu o acordo em seus olhos. Como sempre, ele sabia o que ela estava pensando.
— Sim — ela disse brevemente.
— Há um pequeno problema que vocês todos estão ignorando — Gilan apontou. — Ela é uma garota. Nós nunca tivemos uma garota no Corpo de Arqueiros.
— Talvez seja a hora de ter uma — disse Halt.
Pauline olhou para ele com aprovação absoluta. Até que ponto o duro, mal-encarado, tradicionalmente ocupado marido dela havia chegado, ela pensou.
— Mas... — Gilan começou. Ele estava sem palavras até que pensou em uma objeção. — Ela é pequena. Como ela poderia carregar a todo instante um arco de trinta e cinco quilos de tração? E essa é a nossa principal arma.
— Eu sou pequeno — Halt respondeu. — Will é assim.
— Mas as meninas tem uma estrutura muscular diferente dos meninos — disse Gilan. Ele olhou se desculpando para Cassandra e Pauline. — Eu não estou sendo tendencioso contra as garotas aqui. É apenas um fato físico. Em geral, nós somos mais musculosos do que vocês. E Maddie é uma garota ligeiramente pequena. Ela nunca constituiria a massa muscular que você precisa para atirar com um arco.
— Bem, nós teremos que encontrar uma maneira de contornar isso — Halt respondeu. — Talvez mudar um pouco o nosso pensamento. Por outro lado, as meninas são mais leves em seus pés do que os rapazes. Ela seria excelente para movimentos silenciosos e camuflagens. Ela é ágil. E essas são todas qualidades que um arqueiro necessita.
Ele podia ver que Gilan estava lutando com o conceito. Ele sorriu para si mesmo. Na verdade, era uma ideia que ele estava pensando por alguns meses. Não especificamente em relação a Maddie, mas como um conceito geral. Ele tinha consciência de que havia uma escassez atual de candidatos a aprendiz adequados, como Gilan tinha mencionado. E ele tinha começado a pensar que o corpo estava ignorando uma fonte potencial de tais pessoas. Metade dos jovens de quinze anos no reino eram meninas. Algumas delas teriam que ser candidatas adequadas. Não havia Arqueiras, simplesmente porque nunca houve. Isso, em si, não era um bom motivo. Esta poderia muito bem ser a hora de soprar as teias de aranha e deixar entrar algum novo pensamento.
E quem melhor para patrocinar uma nova ideia do que o próprio Halt? Afinal de contas, juntamente com Crowley, tinha reformado o Corpo muitos anos atrás. Talvez fosse hora de um pouco mais de reforma.
Como a principal objeção de Gilan – a dificuldade de encontrar uma garota forte o suficiente para puxar um arco – Maddie era ideal para demonstrar uma solução alternativa.
— Eu me pergunto, vocês poderiam liberar sua filha de seus aposentos por uma hora ou mais? — Ele perguntou a Cassandra e Horace. — Eu queria que ela mostrasse uma coisa a Gilan.

4 comentários:

  1. Halt <3 Sempre quis ver uma Arqueira, finalmente vai acontecer *--* (Não me decepcione, Maddie)

    -Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também, mesmop que tenha que ter sacrificado a Alyss para ver uma.

      Excluir
  2. Que bom, a primeira Arqueira! Halt você e divo! kkkkk
    Ass: Bina.

    ResponderExcluir

• Não dê SPOILER!
• Para comentar sem conta, escolha a opção Nome/URL. Escreva seu nome/apelido e deixe URL em branco

Boa leitura :)