2 de janeiro de 2017

49

— Isso muda tudo.
Castle nem está olhando para mim.
— Isso... Quero dizer... Isso significa tantas coisas — ele diz. — Teremos de contar tudo a ele e teremos de testá-lo para termos certeza, mas estou bem certo de que seja a única explicação. E ele seria bem-vindo para se refugiar aqui se quisesse... Eu lhe daria um quarto normal, permitiria que vivesse entre nós como um igual. No mínimo, não posso mantê-lo aqui como prisioneiro...
— O quê... Mas, Castle... Por quê? Foi ele que quase matou Adam! E Kenji.
— A senhorita tem de entender... Essa notícia pode mudar toda a visão dele sobre a vida.
Castle está balançando a cabeça, uma mão quase cobrindo sua boca, os olhos arregalados.
— Ele pode não aceitar bem... Ele pode ficar muito contente... Ele pode perder a cabeça por completo... Pode acordar como um novo homem. A senhorita ficaria surpresa com o que esse tipo de revelação faz com as pessoas. O Ponto Ômega sempre será um local de refúgio para a nossa gente — ele continua. — Foi um juramento que fiz a mim mesmo há muitos anos. Não poderia negar comida e abrigo a ele se, por exemplo, o pai o banisse totalmente.
Isto não pode estar acontecendo.
— Mas eu não entendo — Castle diz, de repente, levantando o olhar para mim. — Por que a senhorita não disse nada? Por que não relatou essa informação? É importante sabermos disso e não a condeno de forma alguma...
— Eu não queria que Adam soubesse — eu admito em voz alta pela primeira vez. Minha voz são seis pedaços quebrados de vergonha amarrados juntos. — Eu apenas...
Balanço a cabeça.
— Eu não queria que ele soubesse.
Castle parece mesmo triste por mim. Ele diz:
— Eu gostaria de poder ajudá-la a guardar seu segredo, senhorita Ferrars, mas, mesmo que quisesse, não tenho certeza de que Warner fará o mesmo.
Concentro-me nos tapetes espalhados no chão. Minha voz soa baixinho quando pergunto:
— Por que ele chegou a contar para você? Como isso surgiu na conversa?
Castle coça o queixo, pensativo.
— Ele contou por vontade própria. Ofereci-me para levá-lo às suas rondas diárias... Acompanhá-lo ao banheiro etc... Porque queria segui-lo e fazer perguntas sobre seu pai e ver o que ele sabia sobre o estado dos nossos reféns. Ele parecia muito bem. Na verdade, parecia muito melhor do que quando chegou aqui. Estava dócil, quase educado. Mas seu comportamento mudou drasticamente depois de cruzarmos com a senhorita e o Adam no corredor...
A voz dele some, os olhos pulam para o teto, a mente trabalha para encaixar as peças e ele está reprimindo um grito de espanto, encarando-me de uma maneira totalmente estranha a ele, de uma maneira que diz que ele está completa e totalmente perplexo.
Não sei ao certo se deveria ficar ofendida.
— Ele está apaixonado pela senhorita — Castle sussurra, com um entendimento revelador em sua voz.
Ele ri, uma vez, alto, rápido. Balança a cabeça.
— Ele a manteve presa e conseguiu se apaixonar no processo.
Estou encarando as esteiras como se fossem a coisa mais fascinante que vi na vida.
— Ó, senhorita Ferrars — Castle diz para mim —, não invejo sua difícil situação. Agora vejo por que isso é desconfortável para a senhorita.
Quero dizer a ele você não faz ideia, Castle. Você não faz ideia porque nem sabe a história toda. Não sabe que eles são irmãos, irmãos que se odeiam, irmãos que parecem concordar apenas em uma coisa, e acontece que essa uma coisa é matar o pai deles.
Porém, não digo nenhuma dessas palavras. Não digo nada, na verdade.
Sento-me nestas esteiras com a cabeça apoiada nas mãos e estou tentando imaginar o que mais pode dar errado. Pergunto-me quantos erros mais terei de cometer antes de as coisas se acertarem.
Se é que um dia se acertarão.

10 comentários:

  1. ACERTOU NA MOSCA CASTLE, O MOZÃO TA SUPER HIPER MEGA BLASTER APAIXONADO PELA JUJU E ELES VÃO FICAR JUNTOS U.U

    ResponderExcluir
  2. EU TO... SCRR
    AAAAAAAAAAAAAAAAAA

    ResponderExcluir
  3. Gosto do Warner sinto por ele ter sofrido e to chocada pela descoberta, mais amo muito mais o Adam, e eu quero que a Ju fiq com eles, pq eles sao muito lindoshh juntos

    Nada contra qm prefere a Warner com a Ju, cada um com sua opiniao.

    P.S: Karina amo o blog e trabalho e incrible.😍😍

    ResponderExcluir
  4. Eu tinha feito um plano aqui de ler 10 capitulos por dia, mas já são 02:33 da manhã e eu ainda estou aqui lendo. Pelos meus calculos eu deveria ler este capitulo no dia 26. E por mim eu ficaria aqui até o livro acabar, mas se pegam acordada de madrugada terei que ouvir até... Essa vida de leitor(a) é dificil dificilima

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkk puxa, Liz... eu também não conseguiria :P mas te aplaudo por tentar

      Excluir
  5. Juliette(a), vai pro seu Romeu que é o Warner, pelo menos dá uma chance!Eu realmente estou com muita pena dele, mas sinto o mesmo pelo Adam também... Sério, vida de leitor é difícil, principalmente quando você começa a gostar de alguém que nem existe kkk ;p
    Fazer o quê, né? #TeamWar...FICA COM OS DOIS, PRONTO!

    ~POLLY~

    ResponderExcluir
  6. "Quero dizer a ele você não faz ideia, Castle. Você não faz ideia porque nem sabe a história toda. Não sabe que eles são irmãos, irmãos que se odeiam, irmãos que parecem concordar apenas em uma coisa, e acontece que essa uma coisa é matar o pai deles."
    Na verdade concordam em duas coisas:
    1 - Matar o pai
    2 - Amar a Juju

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei o Adam, mas acima de matar o pai o Warner ama a Juliette :3

      Excluir
  7. Ela podia dizer logo, que enrolaçao chata da porra, sempre que eles escondem algo dos outros, dá merda

    ResponderExcluir
  8. Eu estou no serviço e não consigo parar de ler! HELPPPP

    ResponderExcluir

• Não dê SPOILER!
• Para comentar sem conta, escolha a opção Nome/URL. Escreva seu nome/apelido e deixe URL em branco

Boa leitura :)