6 de janeiro de 2017

27

Adam está me ignorando.
Ele não disse uma palavra sobre ontem; não deixa transparecer nem um toque de raiva ou frustração. Ele conversa com todo mundo, ri com James, ajuda a preparar o café da manhã. E também finge que eu não existo.
Eu tentei dizer bom-dia para ele e ele fingiu não me ouvir. Ou talvez ele não tenha me ouvido mesmo. Talvez ele tenha conseguido treinar seu cérebro para não me ouvir nem ver mais.
Sinto como se eu estivesse levando um soco no coração.
Várias vezes.
— Então, o que vocês fazem o dia todo? — pergunto, tentando desesperadamente iniciar uma conversa.
Todos nós estamos sentados no chão, comendo tigelas de granola. Acordamos tarde, tomamos o café da manhã tarde. Ninguém se deu ao trabalho de guardar os cobertores ainda e Warner deve chegar em cerca de uma hora.
— Nada — Ian diz.
— Tentamos não morrer, na maior parte do tempo — Winston fala.
— É entediante pra burro — Lily conta.
— Por quê? — Kenji pergunta. — Você tem alguma coisa em mente?
— Ah — digo. — Não, eu só...
Hesito.
— Bem, o Warner vai chegar daqui a uma hora e, assim, eu não tinha certeza se...
Algo se quebra na cozinha. Uma tigela. Na pia. Talheres voando por toda a parte.
Adam sai para a sala de estar.
Os olhos dele.
— Ele não vai voltar para cá.
Essas, as primeiras seis palavras que Adam me diz.
— Mas eu já disse a ele — tento falar. — Ele vai...
— Esta é a minha casa — ele diz, os olhos faiscando. — Não vou deixá-lo entrar aqui.
Estou encarando Adam, o coração batendo fora do meu peito. Eu nunca achei que ele seria capaz de me olhar como se me odiasse. Como se me odiasse muito, muito.
— Kent, cara... — ouço Kenji dizer.
— NÃO.
— Vamos, cara, não precisa ser assim...
— Se você quer tanto vê-lo — Adam diz para mim —, pode dar o fora da minha casa. Mas ele não vai voltar para cá. Nunca.
Eu pisco.
Isso não está acontecendo de verdade.
— Aonde ela deve ir? — Kenji pergunta a ele. — Quer que ela fique na calçada? Para alguém denunciá-la e ela ser morta? Você está maluco?
— Não dou mais a mínima — Adam grita. — Ela pode fazer a merda que quiser.
Ele se vira para mim de novo.
— Quer ficar com ele? — Ele aponta para a porta. — Vá. Vê se morre.
O gelo está corroendo meu corpo.
Eu me levanto desajeitada. Minhas pernas estão instáveis. Estou fazendo que sim com a cabeça e não sei por quê, mas parece que não consigo parar. Ando em direção à porta.
— Juliette...
Eu me viro, embora seja Kenji quem chama meu nome, não Adam.
— Não vá a lugar nenhum — Kenji diz para mim. — Não se mexa. Isso é ridículo.
A situação saiu do controle. Não é só mais uma briga. Há um ódio puro e inalterado nos olhos de Adam, e estou tão pasma com a impossibilidade disso — tão pega de surpresa — que não sei como reagir. Eu nunca poderia ter previsto isso; nunca poderia ter imaginado que a situação poderia ficar assim.
O Adam real não me expulsaria de sua casa dessa maneira. Ele nunca falaria comigo assim. Não o Adam que eu conheço. O Adam que eu achava que conhecia.
— Kent — Kenji diz de novo —, você precisa se acalmar. Não está acontecendo nada entre ela e o Warner, ok? Ela só está tentando fazer o que acha certo...
— Mentira! — Adam explode. — Isso é mentira e você sabe e é um imbecil por negar. Ela tem mentido para mim esse tempo todo, maldição...
— Vocês dois nem estão juntos, cara, você não pode agir como se ela fosse sua...
— Nós nunca terminamos! — Adam grita.
— É claro que terminaram — Kenji retruca. — Todas as pessoas do Ponto Ômega ouviram sua bobagem melodramática pelos corredores. Todos nós sabemos que vocês terminaram. Então pare de lutar contra isso.
— Aquilo não contou como fim de namoro — Adam diz, sua voz rouca. — Nós ainda nos amamos...
— Certo, quer saber? Tanto faz. Não me importo.
Kenji balança a mão, revira os olhos.
— Mas estamos no meio de uma guerra agora. Que merda, ela levou um tiro no peito alguns dias atrás e quase morreu. Não acha possível que ela realmente esteja pensando em algo maior do que apenas vocês dois? Warner é louco, mas ele pode ajudar...
— Ela olha para aquele psicopata como se estivesse apaixonada por ele — Adam rosna de volta. — Acha que não sei como é esse olhar? Acha que eu não saberia reconhecer? Ela costumava olhar para mim desse jeito. Eu a conheço... Eu a conheço tão bem...
— Talvez não conheça.
— Pare de defendê-la!
— Você nem sabe o que está dizendo — Kenji diz a ele. — Você está agindo como um louco...
— Eu estava mais feliz quando pensava que ela estava morta.
— Você não está falando sério. Não diga coisas assim, cara. Depois de falar esse tipo de merda, você não pode retirar...
— Ah, eu falo sério — Adam diz. — Eu falo muito, muito sério.
Ele finalmente olha para mim. Os punhos cerrados. Olhos faiscando com raiva e angústia e coração partido.
— Pensar que você estava morta — ele diz para mim — era muito melhor. Doía muito menos.
As paredes estão se mexendo. Estou vendo pontos pretos, piscando para o nada.
Isso não está acontecendo de verdade, fico dizendo a mim mesma.
É apenas um pesadelo horrível e, quando eu acordar, Adam vai ser bom e gentil e maravilhoso de novo. Porque ele não é cruel assim. Não comigo. Nunca comigo.
— Você, mais que todas as outras pessoas — Adam diz para mim.
Ele parece muito enojado.
— Eu confiei em você... Contei coisas que nunca devia ter lhe contado... E, agora, você vai se esforçar ao máximo para jogar tudo de volta na minha cara. Não acredito que você faria isso comigo. Que você se apaixonaria por ele. Qual é o seu problema? — ele pergunta, a voz ficando mais aguda. — Quão doente da cabeça você está?
Estou com muito medo de falar.
Muito medo de mexer os lábios.
Estou tão assustada que, se me mexer um centímetro, meu corpo vai se partir em dois e todo mundo verá que minhas entranhas são feitas de nada, além das lágrimas que estou engolindo neste instante.
Adam faz que não com a cabeça. Solta uma risada triste e distorcida.
— Você nem mesmo nega — diz. — Inacreditável.
— Deixe-a em paz, Kent — Kenji fala, de repente, sua voz mortalmente cortante. — Estou falando sério.
— Isso não tem nada a ver com você...
— Você está sendo um babaca...
— Acha que dou a mínima para o que você pensa?
Adam se vira para ele.
— Esta luta não é sua, Kenji. Só porque ela é covarde demais para falar alguma coisa, não significa quer você precisa defendê-la...
Sinto como se eu tivesse saído de mim mesma. Como se meu corpo tivesse desabado no chão e estou olhando, observando conforme Adam se transforma em um ser humano completamente diferente. Todas as palavras. Todos os insultos que ele joga em mim parecem fraturar meus ossos.
Logo, eu não serei nada além de sangue e um coração batendo.
— Vou sair — Adam está dizendo. — Vou sair e, quando voltar, quero que ela tenha ido embora.
Não chore, fico dizendo para mim mesma.
Não chore.
Isto não é real.
— Você e eu — Adam está dizendo agora, a voz muito áspera, muito brava — acabou. Terminou para nós — ele dispara. — Nunca mais quero vê-la. Em nenhum lugar deste mundo e, definitivamente, não na minha própria casa.
Ele me encara, o peito arfando.
— Então dê o fora. Dê o fora antes de eu voltar.
Ele atravessa a sala nervoso. Pega um casaco. Abre a porta com força.
As paredes tremem quando ele a bate.

30 comentários:

  1. Ok, definitivamente o Adam se mostrou o verdadeiro psicopata da história, o namorado maluco que não aceita que terminaram mesmo depois de um FUCKING mês... Estou muito decepcionada... o Aaron estava certo, ele só gostava da Ju perdida, tímida e bobinha...

    ResponderExcluir
  2. Nossa, ele ficou puto em ¬¬... O cara tem que aprender a lidar melhor com o ciúme, ele não é uma pessoa ruim, mas tá perdendo as estribeiras

    ResponderExcluir
  3. Mds, o Adam tá muito descontrolado.. olha as coisas que ele fala pra Ju... tudo bem ele tá com ciúmes, raiva e tals mais ficar dizendo essas coisas pra ela como "Eu estava mais feliz quando pensava que ela estava morta.." Isso já passou dos limites'-'

    ResponderExcluir
  4. Masoquê, adam é definitivamente um escroto, tomara q juliete tire as luvas e bata na cara dele ate ele ficar inconsciente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não daria certo . Teria de ser um soco MUITO bem dado.

      Excluir
  5. Acho que é essa a mensagem que a autora quer passar. Que todo mundo tem o seu lado obscuro. A própria juliette reconheceu isso no outro livro. Ela disse que não existe uma linha clara que separe o bem do mal. No primeiro livro somos levados a pensar que o Adam é praticamente um deus na terra. Que ele é totalmente bom e justo e honesto e tudo o mais e que o Warner é o cara mau, psicopata e doente. O vilão da história contra o mocinho. Mas no decorrer dos livros vamos percebendo que não é bem assim. Todos eles são humanos. O Warner fez muita coisas ruins mas é possível ver bondade nele e ele se mostrou ser alguém agradável quando se deixa abrir o coração. Adam não é uma pessoa ruim. Mas por causa do momento e do fato dele não saber lidar com seus sentimentos fazem ele fazer ( e dizer) coisas ruins. Mas acho que a chave da questão é quem se eles vão conseguir superar tudo isso e serem pessoas melhores.

    ResponderExcluir
  6. Tudo o que ele ta fazendo com isso é afasta-la cada vez mais
    Q idiota
    Bia

    ResponderExcluir
  7. Definitivamente o Adam passou d todos os limites, ele enlouqueceu, nunca pensei q eu fosse dizer isso, mas...EU ODEIO O ADAM, DESGRAÇADO IDIOTA, VC FICOU PIOR QUE BABACA, MDS QUANDO O ADAM SE TORNOU ESSE MERDINHA BABACA?

    ResponderExcluir
  8. Senhoras e senhores, o troféu de babaca do ano vai para... Adam Kent!

    ResponderExcluir
  9. Totalmente decepcionada com o Adam!
    Bianca

    ResponderExcluir
  10. O jogo realmente virou dos dois lados. OLOKOOOO

    ResponderExcluir
  11. O vilão virou mocinho, o mocinho virou vilão...
    Falar que preferia a menina morta Adam? Que decepção!

    ResponderExcluir
  12. Nossa o que foi isso ? O que aconteceu com o Adam.
    Eu estou com presentimento que talvez ela possa acaba ficando com o Kenji.

    Sou team Aron Warner.

    ResponderExcluir

  13. "— Você nem sabe o que está dizendo — Kenji diz a ele. — Você está agindo como um louco...
    — Eu estava mais feliz quando pensava que ela estava morta."
    DECEPCIONADA E CHATEADA ADAM. ACHO QUE VOCÊ É O MONSTRO AQUI.
    COMO ELE PÔDE DIZER ALGO ASSIM? CARAMBA
    ACHO QUE NÃO AMO MAIS ELE COMO ANTES...
    #TEAMWARNER #CORAÇÃOPARTIDO </3
    ~POLLY~

    ResponderExcluir
  14. Realmente decepcionante, não esperava isso do Adam 😫😥😔 espero que ela fique com o Warner agora,gostava do adam mais perdi total vontade dele com a Julie.

    ResponderExcluir
  15. Adam, seu idiota, eu gostava tanto de você no primeiro livro.
    Eu tentei entender seus motivos pra não ter ido atrás da Juliette para salva-la, sabia que o James era mais importante mas agora, você se tornou um idiota, um monstro sem coração.


    Kenji, seu lindo, se eu não gostasse tanto da amizade de vc e da Juju eu juro que shiparia vcs dois <3<3<3

    ResponderExcluir
  16. Nunca gostei muito do Adam, agora gosto menos ainda. Foi um completo babaca com a juju. Meu filho aceita que dói menos, apenas gostava da menina frágil, nunca amou ela de verdade, por completo.

    ResponderExcluir
  17. ADAM FALOU BONITO!!! ESSA JULIETTE RETARDADA. CLARO QUE ESTÁ APAIXONADA PELO WARNER, ELA É UMA DESEQUILIBRADA IGUAL A ELE. CASAL MELHOR NÃO TEM. TOMARA QUE OS DOIS MORRAM JUNTOS

    ResponderExcluir
  18. Só digo uma coisa isso foi TENSO!

    ResponderExcluir
  19. O Adam é como esses ex namorados que enquanto estamos juntos é flores e na primeira briga quer te esculachar pra sair por cima.
    Ele é um grosso com todo mundo menos com James e antes com a Ju pq ela era DÓCIL FRÁGIL INOCENTE PURA... Na moral, ele é um machista!!!
    #TEAM WARNER 😄

    ResponderExcluir
  20. gente, alguém interna esse garoto

    ResponderExcluir
  21. Eu nunca gostei do Adam mesmo. Quando é bonzinho demais eu desconfio...

    ResponderExcluir
  22. coitado ele só quer proteger o irmão ele quase perdeu o James na querra e o Warner é doido sim ele super bipolar uma hora ta doce e outra um doido ñ entendo prefiro o kenji😍❤❤❤

    ResponderExcluir
  23. "quando a esmola é demais até o santo desconfia" Meu deussssssss filho de uma **** cachorro, nunca gostei de você mesmo seu palhaço, sua atitudes só me serviram para comprovar issoo, aiiiiiii que odiooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo

    ResponderExcluir
  24. Eu shippava muito a Juliette com o Adam, mas não dá mais!! Agora é é ele que tá agindo como um louco, demente e não tem mais como sequer tentar justificar os atos deles. Ele invés de apoiar e ajudar essa nova Juliette só tá incomodando. Espero que ele deixe de agir como um imbecil de marca maior e que a Juliette continue amadurecendo, e nunca achei que diria isso mas espero muito que a Juliette fique com o Warner

    ResponderExcluir
  25. A me poupe Adam tem toda a razão de estar assim essa garota é muito idiota se ela fosse verdadeira com si mesma não estaria nessa confusão. Tô cansada de defender ela.

    ResponderExcluir
  26. Decepção é o sentimento que me consome no momento.

    ResponderExcluir

• Não dê SPOILER!
• Para comentar sem conta, escolha a opção Nome/URL. Escreva seu nome/apelido e deixe URL em branco

Boa leitura :)