20 de novembro de 2015

Capítulo 37

Na queda, tudo disparava pela mente de Elena.
A primeira vez em que vira Stefan... Ela era uma pessoa diferente na época. Fria por fora, louca por dentro – ou seria o contrário? Ainda triste com a morte dos pais há tantos anos. Cansada do mundo e de tudo que tivesse ligação com meninos... Uma princesa numa torre de gelo... Com o desejo exclusivo de conquistar, de ter poder... Até que ela o viu.
Acredite.
Depois o mundo dos vampiros... E Damon. E toda a loucura malvada que descobriu dentro de si, toda a paixão. Stefan era seu esteio, mas Damon era ferocidade pura por trás de suas asas. Por mais longe que ela fosse, Damon parecia seduzi-Ia a ir um pouco além. E ela sabia que um dia iria longe demais... Para os dois. Mas por ora, o que Elena precisava fazer era simples.
Acredite.
E Meredith, Bonnie e Matt. Ela mudou a relação com eles, ah, mais definitivamente. No início, sem saber o que tinha feito para merecer amigos como aqueles três, ela nem se incomodou em tratá-Ios como mereciam. E, no entanto todos ficaram ao seu lado. E agora ela sabia valorizar os amigos – sabia que, se fosse necessário, morreria por eles.
Embaixo, os olhos de Bonnie seguiam seu mergulho. A plateia na sacada olhou também, mas era o rosto de Bonnie que Elena via: Bonnie assustada, apavorada e sem esperanças, prestes a gritar e perceber ao mesmo tempo que gritar não salvaria Elena de um mergulho de cabeça para a morte.
Bonnie, acredite em mim. Eu vou salvar você. Eu lembro como voar.

Um comentário:

  1. ― Vocês três ficam na fila do amendoim. Isso quer dizer que vocês se sentam no chão. Mas, se forem boazinhas, da próxima vez vou deixar que se sentem conosco lá em cima.


    Esse damon eh uma figura 😭😂

    Agora o bicho pega 😇👀📎

    ResponderExcluir

• Não dê SPOILER!
• Para comentar sem conta, escolha a opção Nome/URL. Escreva seu nome/apelido e deixe URL em branco

Boa leitura :)