18 de outubro de 2015

Setenta e dois - Eu perco uma aposta

— ISSO É BEM melhor do que o último velório em que fui — disse Annabeth. — O seu.
Estávamos em uma colina em Blue Hills, vendo as cinzas da minha mãe flutuarem pelas árvores cheias de neve. Bem abaixo, o sol brilhava no lago Houghton. Era um dia frio, mas eu não estava incomodado. Eu me sentia quente e calmo; havia anos que não me sentia tão certo.
Coloquei o jarro de cerâmica vazio debaixo do braço.
— Obrigado por vir comigo — falei.
Os olhos cinzentos de Annabeth me observaram, do mesmo jeito que ela parecia observar tudo; não só minha aparência, mas minha composição, meus pontos fortes, meu potencial. Afinal, ela era a garota que fez modelos do Parthenon com runas quando tinha seis anos.
— Estou feliz de estar aqui — disse ela. — Sua mãe... pelo que lembro, era ótima.
— Ela gostaria que você estivesse presente.
Annabeth olhou pela linha da copa das árvores. O vento frio agredia seu rosto.
— Também cremaram você, sabe. Quer dizer, aquele outro corpo... ou o que quer que fosse. Suas cinzas foram colocadas no mausoléu da família. Eu nem sabia que tínhamos um mausoléu.
Senti um arrepio imaginando as cinzas em uma urna de porcelana em um buraco frio de pedra. Era bem melhor ficar ali, no ar fresco e na luz gelada do sol.
— Fingir que eu estava morto não deve ter sido fácil para você.
Ela tirou uma mecha de cabelo do rosto.
— O velório foi mais difícil para Randolph, eu acho. Ele pareceu bem abalado, considerando, você sabe...
— Que ele nunca ligou para mim?
— Para nenhum de nós. Mas meu pai... Magnus, foi difícil. Ele e eu temos um histórico complicado, mas estou tentando ser sincera com ele agora. Não gosto de esconder coisas.
— Me desculpe. — Abri as mãos. — Achei melhor não arrastar você para os meus problemas. Nos últimos dias, eu não sabia se me sairia bem. Algumas... algumas coisas perigosas estavam acontecendo. Tinha a ver com o lado hã, da família do meu pai.
— Magnus, eu talvez entenda mais do que você imagina.
Refleti sobre isso. Annabeth parecia mais ajustada, mais pé no chão do que a maioria das pessoas que eu conhecia, até a maior parte das pessoas de Valhala. Por outro lado, eu não queria colocá-la em risco e nem ameaçar o relacionamento tênue que estávamos começando a reconstruir.
— Estou bem agora — garanti a ela. — Estou com amigos. É um bom lugar, mas nem todo mundo entenderia. Tio Randolph não pode saber. Eu agradeceria se você não contasse para ninguém, nem mesmo para o seu pai.
— Humm — disse ela. — E não vou poder saber os detalhes?
Pensei no que Frey tinha me dito: Vocês deviam conversar. Você vai precisar da ajuda dela antes de tudo isso acabar. Também me lembrei do que Sam disse sobre a família dela, que eles atraíam a atenção dos deuses havia muitas gerações. Randolph deu a entender que nossa família também era assim.
— Só não quero colocar você em perigo — falei. — Eu esperava que você pudesse ser minha ligação com o mundo normal.
Annabeth ficou me olhando. Então deu uma gargalhada debochada e começou a rir.
— Uau. Você não faz ideia de como isso é engraçado. — Ela respirou fundo. — Magnus, se você tivesse ideia de como minha vida é esquisita...
— Tudo bem, mas estar aqui com você, sabe como é? É a sensação mais normal que tenho em anos. Depois de todas as brigas malucas entre nossos pais, dos ressentimentos idiotas e de perder o contato por anos, eu esperava que pudéssemos fazer nossa geração não ser tão desajustada.
A expressão de Annabeth ficou séria.
— Desse tipo de normal eu gosto. — Ela esticou a mão. — A nós, os primos Chase. A sermos menos desajustados.
Nós apertamos as mãos.
— Agora, desembuche — ordenou ela. — Conte o que está acontecendo. Prometo que não vou falar para ninguém. Eu talvez até possa ajudar. Também juro que, por mais estranho que sua vida possa estar parecendo nesse momento, a minha é ainda mais. Faria a sua parecer pacata.
Considerei tudo pelo que passei, morte e ressurreição, a busca pela Serpente do Mundo, a luta com gigantes, fugir de esquilos monstruosos, amarrar um lobo em uma ilha que desaparecia no mar.
— Quer apostar? — perguntei.
— Manda ver, primo.
— Almoço? — sugeri. — Conheço um lugar ótimo que vende falafel.
— Feito. Quero ouvir o que você anda fazendo.
— Ah, não — falei. — A sua história não é tão incrível? Então conte você primeiro.

45 comentários:

  1. Ñ sei mais como é viver

    ResponderExcluir
  2. magnus vc vai perder feio!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Né! Perdeu, e perdeu feio!
      Fiquei feliz que eles compartilharam suas histórias :3 será que no próx livro a Annabeth aparece mais?

      Excluir
    2. estou esperando por isso!!!!

      Excluir
    3. eu acho que ele só perde pq ela teve uns 9 livros enquanto ele só teve 1, pq vamo lá né, morrer duas vezes, enfrentar um lobo do mal, encontrar uma espada falante, voar numa águia q na vdd é um gigante, sem falar no esquilo loko e na árvore gigante q faz contato com outros 9 mundos é muita piração num livro só, se for comparar o que a Annie enfrentou no primeiro livro dela (contando o tempo q ela morou nas ruas com o Luke e a Thalia) eu diria q é levemente menos normal, mas se somar tudo q ela viveu... então é Magnus, tenho uma péssima notícia pra vc

      Excluir
  3. Magnus vc vai perder essa aposta! A vida de Annabeth não é pra brincadeira kkkkkk

    ResponderExcluir
  4. "Faria sua vida parecer pacata"

    Magnus: Bitch Please eu morri duas vezes e tenho uma espada falante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Annabeth: Naveguei no Mar de Monstros e no Labirinto de Dédalo, ajudei a salvar o Olimpo, fechei com 10 em todas as matérias e caí no Tártaro - e tudo isso sem morrer!
      kkkkkkk

      Excluir
    2. fora que a Annabeth ficou anos com thalia e luke lutando contra monstros, e isso desde que ela tinha sete anos

      Excluir
    3. Magnus: Enfrentei o Coletor de moedas do Satanas, pesquei uma Serpente que pode engolir o mundo, conquistei uma deusa colhecionadora de lixo e um gigante que vira uma aguia que rouba falafel como meus inimigos, escalei a Árvore do Mundo, fugi de um esquilo fofoqueiro, salvei o deus do trovão, matei 4 gigantes e prendi o Lobo que devora deuses - tudo isso na minha primeira missão! :-P

      Excluir
    4. Annabeth: esfaquiei um ciclope adulto no pé quando tinha sete anos, sou a arquiteta do olimpo, sobrevivi semanas no tártaro, impedi que Gaia destruisse o mundo, segurei o céu e impedi q o cabeça de alga morresse enquanto isso :P

      Excluir
    5. Maguns: "Quer saber o que eu fiz? Tem um livro chamado "A Espada do Verão", dá uma lidinha nele, tá tudo lá."
      Annabeth: "Ah... é assim? Então, enquanto eu leio esse livro, você lê duas séries de cinco livros cada, sem contar os extras, chamadas "Percy Jackson e os Olimpianos" e "Os Heróis do Olimpo". Nessas séries você vai ler uma parte das coisas que eu já fiz. :-P "

      Excluir
    6. Magnus: Só no meu primeiro ivro já fiz coisas mais perigosas e estúpidas que você. Imagine no segundo livro e num terceiro

      Excluir
    7. Annabeth: Tô nessa vida de aventura desde os sete anos e vc só entrou agora

      Excluir
  5. Eu imaginando gregos,romanos, egípcios e nórdicos caminhando juntos pro fim do mundo... ai meu corassaum

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Preciso dizer que quando li seu comentário imaginei os personagens das 3 sagas caminhando lado a lado com uma explosão dramática no fundo ao som de bad blood

      Excluir
  6. kkkkk magnus chase primo de anabeth CHASE só agora que eu me liguei que é A anabeth to mais lerda que o Percy kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkkkk ooo quê?? Mas como assim, Gil? Infelizmente, sou forçada a concordae com vc... foi mais lerda que o Percy dessa vez!

      Excluir
    2. Mas nem foi tão lerda assim.... Ela não via o primo dela a mais de 10 anos, e quando ela encontrou com ele de novo no velorio, ela entendeu a ideia geral.
      Ela disse: eu devia ter pensado nisso... me desculpe por não ter percebido antes... conheço um lugar onde você estará seguro...

      Excluir
    3. Bruna... agora vc que foi lerda XD estamos falando da Gil, que ela demorou pra entender, não da Annabeth!

      Excluir
  7. So eu q lembrei da promessa de afrodite para reya?: seu coraçao nao sera curado por um semideus ou por um humano VIVO, magnus esta morto e agr conhece as historias da prima....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu tambem já considerei essa possibilidade,tambem pode ser com um mago da casa da vida

      Excluir
    2. Putz. Tem razão... apesar de eylu ter shippado o magnus com outra pessoa...

      ezequiel

      Excluir
    3. Pedro, querido, deixe nós, shippers, shippar em paz :v

      Excluir
  8. Por isso o nome do capítulo: eu perco uma aposta

    ResponderExcluir
  9. Se no próximo livro ter os gregos, romanos, egípcios e nórdicos acho que meu coração não aguenta

    ResponderExcluir
  10. heeey, Karina!
    Qual é a saga dos egípcios???
    ñ li ainda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As Crônicas dos Kane: http://www.bloglivroson-line.com/2015/08/as-cronicas-dos-kane.html

      Excluir
  11. Fiquei MUITO ansiosa esperando o momento deles compartilharem histórias e o q o tio Rick faz? Ele corta essa parte! Tipo, Annabeth ganha de lavada do Magnus... Eu queria ter visto a expressão do Magnus ao descobrir sobre os gregos, e talvez romanos e egípcios... E a da Annabeth pensando como ele tá enrascada com outra mitologia, pensando se deveria perguntar alguma coisa a Quiron e contar a história ao Percy. Ela tbm pensaria em como teria q salvar o mundo mas uma vez e blá blá blá de sempre. Pensaria nisso tudo em um milésimo. Como é impressionante ele ficar com o Percy, não é?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas a annabeth tem pouco tempo que descobriu que era uma semideusa. Ela ainda nem começou as histórias dela ainda com o Percy. Não é?

      Excluir
    2. Não... Annabeth já viveu tudo aquilo de PJO e HDO. Ela já tá crescida aqui

      Excluir
  12. ela era a garota que fez modelos do Parthenon com runas quando tinha seis anos.Isso quer dizer q ela fez um templo de runas gigante kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não gigante cara, os modelos cabiam num cômodo com ela e o Magnus '-'

      Excluir
  13. Perdeu. Perdeu feio, perdeu feio, perdeu rude

    ResponderExcluir
  14. annabeth; eu era atacada por aranhas quando era criança,fui ignorada e maltratada e entao fuji de casa,fui atacadapor monstros desde que fuji aos sete anos, minha melhor amiga quase morreu e foi transformada em arvore,o primeiro garoto por quem me apaixonei se tornou "mau", fui para um acampamento,conheci o garoto maqis insuportavel que alguem poderia conhecer,me tornei sua amiga durante nossa primeira missao enfrentando monstros horriveise assim foi nossa vida,sair em missoes juntos , seja autorizados ou escondidos, me apaixanei por ele,mas ele quase moirre o tempo todo,aos dezesseis anos quando começamos a namorar ele foi capturado e sua memoria foi apagada,etc... depois que nos encontramos continuamos saindo em meissoes ate q em um lindo dia fui cumprir uma missao sozinha e quando ele foi me buscar, nos caimos no inferno detalhe( eu tava com o pe quebrado) saimos de la vivos, mas nao porfalta de esforço,e isso primilho é so metade da minha vida, ou seja , ja passei por coisas piores do que isso enta aceite sua derrota....

    magnus: hum ....... to sem dinheiro pro jantar .....

    ResponderExcluir
  15. Annabeth passou anos fugindo de monstros; ajudou a recuperar o raio de Zeus; navegou no Mar de Monstros e obteve o Velocino de Ouro; segurou o peso do céu; fez um passeio relaxante pelo Labirinto de Dédalo; foi fundamental para derrotar Cronos; procurou um namorado perdido e sem memória; seguiu a Marca de Atena; caiu no Tártaro; ajudou a derrotar Gaia e os gigantes (embora o sangue dela tbm tenha deapertado a cara de lama). Lutou duas vezes ao lado de egípcios. Isso ê um RESUMO da vida da Annie, acho que o maior desafio de todos foi namorar o Percy, não que namorar um semideus poderoso, de cabelo preto, olhos verder, esgraçado, lin...perdão, me perdi aqui. Ah, o desafio não é namorar o Cabeça de Alga, e sim manter ele vivo. Ainda tem que comer muito feijão com arroz Magnus, mas estáno caminho certo, vai na fé.

    ResponderExcluir
  16. Ser Chase é muito melhor que ser Jackson, Grace, di Angelo, Valdez, McLean, Zhang, Levesque, Ramirez-Arellano e Kane

    ResponderExcluir

• Não dê SPOILER!
• Para comentar sem conta, escolha a opção Nome/URL. Escreva seu nome/apelido e deixe URL em branco

Os comentários estão demorando alguns dias para serem aprovados... a situação será normalizada assim que possível. Boa leitura!