18 de outubro de 2015

Glossário

Aegir – deus das ondas
Aesir (pl.: Aesires) – deuses da guerra; semelhante aos humanos
álfar seidr – magia élfica
Andskoti – o Adversário, a nova corda mágica que prende o lobo Fenrir
Árvore de Laeradr – árvore localizada no centro do Salão de Banquete dos Mortos, em Valhala, com animais imortais que têm funções especiais
Balder – deus da luz; o segundo filho de Odin e Frigga, irmão gêmeo de Hod. Frigga fez todas as coisas jurarem nunca machucar o filho dela, mas se esqueceu do visgo. Loki fez Hod matar Balder com um dardo feito de visgo
Bifrost – a ponte arco-íris que liga Asgard a Midgard
Draugr – zumbis nórdicos
Eikthrymir – cervo da Árvore de Laeradr cujos chifres não param de jogar água, que alimenta todos os rios de todos os mundos
einherjar (sing.: einherji) – grandes heróis que morreram com bravura na Terra; soldados do exército eterno de Odin; treinam em Valhala para o Ragnarök, quando os mais corajosos se juntarão a Odin na batalha contra Loki e os gigantes no fim do mundo
Fenrir – lobo invulnerável nascido do caso de Loki com uma giganta; sua força incrível causa medo até nos deuses, que o mantêm amarrado a uma pedra em uma ilha. Ele está destinado a se soltar no dia do Ragnarök
Fólkvangr – a pós-vida dos vanires para os heróis mortos em batalha, governada pela deusa Freya
Frey – deus da primavera e do verão; do sol, da chuva e da colheita; da abundância e da fertilidade, do crescimento e da vitalidade. Frey é irmão gêmeo de Freya e, como a irmã, tem grande beleza. Ele é o lorde de Álfaheim
Freya – deusa do amor; irmã gêmea de Frey; governante de Fólkvangr
Frigga – deusa do casamento e da maternidade; esposa de Odin e rainha de Asgard; mãe de Balder e Hod
Ginnungagap – o abismo primordial; a névoa que obscurece as aparências
Gleipnir – corda feita por anões para prender o lobo Fenrir
Heidrún – a cabra da Árvore de Laeradr cujo leite é fermentado para fazer o hidromel mágico de Valhala
Heimdall – deus da vigilância e guardião do Bifrost, a entrada para Asgard
Hel – deusa da morte desonrosa; nascida do caso de Loki com uma giganta
Helheim – o submundo nórdico, governado por Hel e habitado pelos que morreram fazendo maldades, de velhice ou devido a doenças
Hlidskjalf – o Alto Trono de Odin
Hod – irmão cego de Balder
Honir – deus aesir que, ao lado de Mímir, trocou de lugar com os deuses vanires, Frey e Njord, no fim da guerra entre os dois clãs
Idun – deusa que distribui as maçãs da imortalidade, que mantêm os deuses jovens e alertas
Jörmungand – a Serpente do Mundo, monstro nascido do caso de Loki com uma giganta; o corpo dele é tão grande que envolve a Terra
jötunn – gigante
Loki – deus da lábia, da magia e dos artifícios; filho de dois gigantes; adepto da magia e da metamorfose. Ele é alternadamente maldoso e heroico para os deuses de Asgard e para a humanidade. Por causa do papel na morte de Balder, Loki foi acorrentado por Odin a três pedras gigantescas com uma serpente venenosa enrolada acima da cabeça. O veneno da cobra de tempos em tempos queima o rosto do deus, e quando ele se debate seus movimentos causam os terremotos
Lyngvi – a Ilha das Urzes, onde Fenrir está acorrentado; a localização da ilha muda todos os anos, conforme os galhos da Yggdrasill se balançam nos ventos do abismo. A ilha só aparece durante a primeira noite de lua cheia de cada ano
Magni e Módi – os filhos favoritos de Thor, destinados a sobreviver ao Ragnarök
Mímir – deus aesir que, ao lado de Honir, trocou de lugar com os deuses vanires, Frey e Njord, no final da guerra entre os dois clãs. Como os vanires não gostaram dos conselhos dele, cortaram sua cabeça e a mandaram para Odin. Odin depositou a cabeça em um poço mágico, onde a água o trouxe de volta à vida, e Mímir absorveu todo o conhecimento da Árvore do Mundo
Mjölnir – o martelo de Thor
Muspell – fogo
Naglfar – o Navio das Unhas
Narvi – um dos filhos de Loki, estripado pelo irmão, Vali, que foi transformado em lobo como punição por Loki ter matado Balder
Nidhogg – dragão que vive na base da Árvore do Mundo e rói suas raízes
Njord – deus dos navios, marinheiros e pescadores; pai de Frey e Freya
Nornas – três irmãs que controlam o destino dos deuses e dos humanos
Norumbega – um assentamento nórdico perdido no ponto mais distante que eles exploraram
Odin – o “Pai de Todos” e rei dos deuses; deus da guerra e da morte, mas também da poesia e da sabedoria. Ao trocar um olho por um gole do Poço da Sabedoria, Odin ganhou conhecimentos inigualáveis. Ele pode observar os nove mundos de seu trono em Asgard; além de seu grande salão, também vive em Valhala com os mais corajosos dentre os mortos em batalha
ouro vermelho – moeda de Asgard e Valhala
Ragnarök – o Dia do Juízo Final, quando os mais corajosos dentre os einherjar vão se juntar a Odin na batalha contra Loki e os gigantes no fim do mundo
Ran – deusa do mar; esposa de Aegir
Ratatosk – esquilo imortal que percorre a Árvore do Mundo carregando insultos entre a águia, que mora na copa, e Nidhogg, o dragão que mora nas raízes
Saehrímir – o animal mágico de Valhala; todos os dias ele é morto e assado para o jantar, e todas as manhãs ele ressuscita; tem o gosto que quem o come desejar
Sessrúmnir – o Salão dos Muitos Assentos, a mansão de Freya em Fólkvangr
Skírnir – um deus; servo e mensageiro de Frey
Sleipnir – o corcel de oito patas de Odin; só Odin pode invocá-lo; um dos filhos de Loki
Sumarbrander – a Espada do Verão
Surt – lorde de Muspellheim
svartalfar – elfo negro, um subgrupo dos anões
Thor – deus do trovão; filho de Odin. As tempestades são o efeito de quando a carruagem poderosa de Thor atravessa o céu, e os relâmpagos são provocados quando ele usa seu grande martelo, Mjölnir
Tyr – deus da coragem, da lei e do julgamento por combate; ele teve a mão arrancada por uma mordida de Fenrir, quando o Lobo foi amarrado pelos deuses
Uller – deus dos sapatos de neve e da arquearia
Utgard-Loki – o feiticeiro mais poderoso de Jötunheim; rei dos gigantes das montanhas
Valhala – paraíso para os guerreiros a serviço de Odin
Vali – filho de Loki; foi transformado em lobo como punição por Loki ter matado Balder. Na forma de lobo, ele estripou o irmão, Navi, antes de ser estripado também
valquíria – servas de Odin que escolhem os heróis mortos que serão levados para Valhala
Vanir (pl.: Vanires) – deuses da natureza; semelhantes aos elfos
völva – vidente
Yggdrasill – a Árvore do Mundo
Ymir – o maior dos gigantes; pai de todos os gigantes e deuses. Ele foi morto por Odin e pelos irmãos, que usaram sua carne para criar Midgard. Esse ato foi a gênese do ódio cósmico entre os deuses e os gigantes

2 comentários:

  1. coitado do glossário, ninguém lê ele :v

    ResponderExcluir
  2. Eu li ele... É algum consolo, n? Agora vamos para o próximo livro; a continuação
    (Se já tiver) ou outra coleção.

    ResponderExcluir

• Não dê SPOILER!
• Para comentar sem conta, escolha a opção Nome/URL. Escreva seu nome/apelido e deixe URL em branco

Os comentários estão demorando alguns dias para serem aprovados... a situação será normalizada assim que possível. Boa leitura!