21 de outubro de 2017

Bloodlines



Bloodlines apresenta o ponto de vista de Sydney Sage. Por ser uma alquimista, ela foi criada para acreditar que vampiros são criaturas terríveis e antinaturais. Até ser enviada à ensolarada Califórnia em uma missão para proteger a princesa vampira Jill Dragomir. Sydney descobrirá que o mundo sobrenatural envolve mais que vampiros.
  1. Laços de Sangue
  2. O Lírio Dourado
  3. O Feitiço Azul
  4. Coração Ardente
  5. Sombras Prateadas [23/10]
  6. O Círculo Rubi
Tradução/Digitalização: Star Books Digital

Divulgação: Orquestra real


Sinopse:
Yandra é filha de Cícero Jenkins, lorde de uma das seis famílias que fazem parte do parlamento e governam o país-ilha de Unityland. Yandra como filha mais velha cresceu com a certeza que um dia assumiria o lugar de seu pai no governo, um posto alto e desejado, um posto que ela não quer. Seu dom é tocar, e não cuidar de problemas burocráticos do reino. Finalmente com 18 anos Yandra encontra a oportunidade que pode mudar sua vida e realizar seus sonhos, a seleção para escolher os novos membros da Orquestra Real do rei vai começar, e ela foi umas das selecionadas.
Henry Aubry, futuro herdeiro do trono, é um príncipe marcado por seu passado, perdeu a mãe em um acidente de carro, e desde então não é mais o mesmo, isolado em seu palácio só tem a irmã mais nova como companhia. Porém isso muda, quando seu destino se cruza com uma jovem que veio ao palácio disputar por uma vaga na Orquestra Real de seu pai.

A seleção começou, é com ela estranhos atentados vêm ocorrendo contra a família real de Unityland, nessa luta de poder todos correm perigo.

Categorias: romance, ficção, música, história original
Autora: Cecília Amaral

O Navio dos Mortos


Nos dois primeiros livros da série, Magnus Chase, o herói boa-pinta que é a cara do astro de rock Kurt Cobain, ex-morador de rua e atual guerreiro imortal de Odin, precisou sair em algumas jornadas árduas e desafiar monstros, gigantes e deuses nórdicos para impedir que os nove mundos fossem destruídos no Ragnarök, o fim do mundo viking. Em O navio dos mortos, Loki está livre da sua prisão e preparando Naglfar, o navio dos mortos, para invadir Asgard e lutar ao lado de um exército de gigantes e zumbis na batalha final contra os deuses.
Desta vez, Magnus, Sam, Alex, Blitzen, Hearthstone e seus amigos do Hotel Valhala vão precisar cruzar os oceanos de Midgard, Jötunheim e Niflheim em uma corrida desesperada para alcançar Naglfar antes de o navio zarpar no solstício de verão, enfrentando no caminho deuses do mar raivosos e hipsters, gigantes irritados e dragões malignos cuspidores de fogo. Para derrotar Loki, o grupo precisa recuperar o hidromel de Kvásir, uma bebida mágica que dá a quem bebe o dom da poesia, e vencer o deus em uma competição de insultos. Mas o maior desafio de Magnus será enfrentar as próprias inseguranças: será que ele vai conseguir derrotar o deus da trapaça em seu próprio jogo?

Um - Percy Jackson se esforça ao máximo para me matar
Dois - Sanduíches de falafel com Ragnarök
Três - Eu herdo um lobo morto e umas cuecas
Quatro - Mas veja só: se você agir agora, o segundo lobo é de graça!
Cinco - Eu me despeço de Erik, de Erik, de Erik e também de Erik
Seis - Eu tenho um pesadelo com unhas do pé
Sete - Nós todos nos afogamos
Oito - No salão do hipster carrancudo
Nove - Viro vegetariano por uma hora
Dez - Podemos falar sobre hidromel?
Onze - Minha espada leva a gente para (pausa dramática) a era disco
Doze - O cara com belos pés
Treze - Malditos avôs explosivos
Quatorze - Nada acontece. É um milagre
Quinze - Macaco!
Dezesseis - Homem de cuspe vs. serra elétrica. Adivinhem quem ganhou?
Dezessete - Somos atacados por umas pedras
Dezoito - Eu enrolo massinha até morrer
Dezenove - Eu vou a um aquecimento zumbi
Vinte - Tveirvigi = Pior vigi
Vinte e um - Uma tarde de diversão com corações explosivos
Vinte e dois - Tenho péssimas notícias, mas… Não, na verdade só tenho péssimas notícias mesmo
Vinte e três - Siga o cheiro de sapos mortos (ao som de “Siga a Estrada dos Tijolos Amarelos”)
Vinte e quatro - Eu gostava mais do pai de Hearthstone quando ele era um alienígena que abduzia vacas
Vinte e cinco - Elaboramos um plano fabulosamente horrível
Vinte e seis - As coisas ficam esquisitas
Vinte e sete - Nós ganhamos uma pedrinha
Vinte e oito - Nunca me peça para cozinhar o coração do meu inimigo
Vinte e nove - Nós quase viramos atração turística norueguesa
Trinta - Fläm, bomba, valeu, mãe
Trinta e um - Mallory ganha uma noz
Trinta e dois - Mallory também ganha umas amoras
Trinta e três - Nós elaboramos um plano horrivelmente fabuloso
Trinta e quatro - Primeiro prêmio: um gigante! Segundo prêmio: dois gigantes!
Trinta e cinco - Nunca mais quero depender de um bando de corvos 
Trinta e seis - A balada de Mestiço, o herói do buraco 
Trinta e sete - Alex morde a minha cara
Trinta e oito - Skadi sabe de tudo, flecha tudo
Trinta e nove - Eu fico poético tipo, sei lá… um poeta
Quarenta - Recebo uma ligação a cobrar de Hel
Quarenta e um - Eu peço um tempo
Quarenta e dois - Eu começo por baixo
Quarenta e trêsTenho um grand finale
Quarenta e quatro - Por que eles têm canhões? Eu quero canhões
Quarenta e cinco - Se vocês entenderem o que acontece neste capítulo, me contem, porque eu não faço a menor ideia
Quarenta e seis - Eu ganho um roupão fofinho
Quarenta e sete - Muitas surpresas, e algumas até que são boas
Quarenta e oito - O Espaço Chase ganha vida

Divulgação: Heistfhall - O princípio do Caos


Sinopse:
Will não sabia como a situação havia chegado a esse ponto, mas quem poderia saber?
Ser acordado milhares de anos após a morte dos Deuses, após a sua própria queda perante o caos para treinar garotas? Mesmo sabendo que sua sorte nunca poderia ser tão boa, que o destino não permitiria, ele resolveu acreditar, mas antes mesmo que conseguisse fazer qualquer coisa, o caos resolve voltar e trazer com ele a destruição do mundo, mais uma vez.
Will se vê preso entre sair e lutar contra o caos ou ficar, aproveitando sua sorte enquanto ela dura, relembrando as tormentas do passado e todas as suas perdas.
Mal sabe ele que velhos amigos estão voltando, mas desta vez como inimigos, inimigos poderosos.
O destino lhe deu mais uma chance, mas ele decide não se entregar novamente, nem mesmo quando o amor resolve bater em sua porta. A morte dela ainda dói muito e sua culpa é ainda maior.
O grande semideus que virou a maior lenda na mente dos humanos foi esquecido quase que completamente, mas não pelos demônios, estes nunca esquecem.
Mas contrariando a tudo e todos, ele se permite ter um resquício de esperança e resolve seguir em frente, mesmo sabendo que o que o espera no fim é a morte, a morte daqueles que ama e a sua própria.
Lutar contra o caos, carregar o peso do mundo e ao mesmo tempo lidar com as seis mais impossíveis garotas que já conheceu, ao mesmo tempo em que encarra seus melhores amigos, seus irmãos, em batalhas mortais?
Ele pensou que conseguiria, mais uma vez ele pensou que conseguiria, mas aqui está ele, com a visão escurecendo, com um espinho de gelo empalando-o no chão, tirando lentamente suas forças, sua vida, e obrigando-o a ver aquela para quem já estava decidido a entregar seu coração, mais uma vez, morrer diante de seus olhos.

Categorias: ficção, aventura, mitologia, história original
Autor: Igor Benedet

[Resultado] Unforgiven

Boa noite!
Fiz o sorteio Unforgiven, e vocês não vão acreditar no resultado. Olhem só:


A ganhadora dos marcadores foi a Juliane, e quem levou o livro foi... a Gabrielly de novo. Parabéns, garotas!
Aos que não ganharam, fiquem de olho que mês que vem tem mais.

Nos vemos segunda à noite, quando postarei O Lírio Dourado!
Karina :)

Laços de Sangue



Sydney estava encrencada. Em sua última missão, ela tinha ajudado a dampira Rose Hathaway a escapar da prisão, e essa aliança foi considerada uma traição grave, já que vampiros e dampiros são criaturas terríveis e antinaturais, ameaças àqueles que os alquimistas devem proteger: os humanos.
Com sua lealdade colocada em questão, Sydney se sente obrigada a voluntariar-se para uma tarefa nada agradável: ajudar a esconder a princesa vampira que está sendo perseguida por rebeldes que querem o poder. Caso ela seja capturada e assassinada, a rainha ficará sem nenhum parente vivo e, como manda a lei, terá de abdicar do trono – o que culminará numa guerra civil tão sangrenta no mundo dos vampiros que certamente afetará a humanidade.

20 de outubro de 2017

O Duelo dos Imortais


Quem são os deuses que regem os caminhos e descaminhos de Amon e Lily, os corajosos heróis da série Deuses do Egito? Por que esses deuses tramam conquistas e vinganças, envolvendo a humanidade em suas maquinações? E por que deixam nos ombros de alguns jovens mortais a responsabilidade pela salvação do mundo?
Antes que Lily e Amon se encontrassem, antes mesmo que o caos dominasse o cosmos e os deuses precisassem de três irmãos corajosos para combater o mal, muita coisa já estava em jogo. Em O duelo dos imortais, vamos conhecer a história dos quatro irmãos que assistiam, com seus poderes especiais, o grande Amon-Rá no governo da Terra: Osíris, Ísis, Néftis e Seth.
Quando, finalmente, os poderes de Seth se manifestam, que efeito sobre a humanidade terá a perigosa mistura de uma infância marcada pela rejeição, uma intensa paixão não correspondida e o incrível poder de desfazer coisas, pessoas... e até deuses?

Prólogo - Amadurecimento
Epílogo - Colheita

O Jovem Sherlock Holmes



É o verão de 1868, e Sherlock Holmes tem quatorze anos. De férias do internato, vivia tediosamente com tios excêntricos em Hampshire quando de repente moradores locais morrem com algo que se assemelha à praga – e uma nuvem suspeita é vista pairando por perto. Holmes se interessa e começa a investigar o que realmente os matou, ajudado por seu novo amigo e seu tutor, um americano chamado Amyus Crowe. Começa então a verdadeira educação de Sherlock na dedução, enquanto seu caminho se cruza com um vilão brilhantemente sinistro e com intenções bastante malignas.
  1. Nuvem da Morte
  2. O Parasita Vermelho
  3. Gelo Negro
  4. Tempestade de Fogo
  5. Picada de Cobra
  6. Ponta da Faca
  7. Frio como Pedra
  8. Night Break [em tradução]

Tradução/Digitalização: Menina Veneno, Luízes

Divulgação: O soar das botas


Sinopse:

 Isso não vai acabar bem.  Pensou o Gaúcho ao observar o estranho vaqueiro que surgiu em seu Pampa sagrado trazendo consigo o nascer do sol. O que o guardião dessa terra não poderia imaginar era que aquele forasteiro se tratava de um Cowboy. Um encontro improvável orquestrado pelo destino cuja repercussão ficará guardada além da memória destes dois homens do campo.


Categorias: ação, ficção, aventura, história original
Autor: P.R. Carvalho Jr.

Sorteio Unforgiven!

   Boa noite!
   Já estava na hora de abrir um sorteio, não? Desta vez, temos O Livro de Cam e vários marcadores!


   Para concorrer ao livro, basta seguir o blog (a opção está na barra lateral) e preencher o formulário abaixo. Novamente, apenas a primeira parte, de colocar o seu nome de seguidor - o perfil que usou para nos seguir - é obrigatória. O restante é opcional, apenas lhe dá chances extras de ganhar.

a Rafflecopter giveaway
Caso o formulário não carregue, acesse-o por aqui

Como sempre, algumas observações:
• é obrigatório ter endereço de entrega no Brasil;
• entraremos em contato com os ganhadores via e-mail. É necessário responder com o endereço completo em até três dias, caso contrário o prêmio passará para outra pessoa;
• o blog não se responsabiliza por perdas e extravios dos Correios.